Ciberataques direcionados crescem 392% no primeiro semestre de 2012

Segundo relatório, ataques baseados em e-mail saltaram 56% no período.

Segundo relatório, ataques baseados em e-mail saltaram 56% no período.

No primeiro semestre do ano as atividades maliciosas baseadas na web cresceram 392% em comparação com igual período de 2011. Segundo dados do Relatório de Ameaças Avançadas 1H 2012, da FireEye, especializada em eliminar ciberataques, no período foram identificadas 643 infecções bem-sucedidas por semana.

Esse número inclui, diz o relatório, ameaças baseadas em arquivos enviados pela web. Elas podem ser executáveis ou conter explorações a vulnerabilidades visadas em aplicativos. Seus downloads são realizados diretamente pelos usuários, por meio de uma exploração ou por links em e-mails.

Os pesquisadores da FireEye observaram ainda um crescimento de 56% em ataques baseados em e-mail no segundo trimestre de 2012 contra o primeiro trimestre de 2012.

Os padrões de ataque variam substancialmente por indústria, indica o estudo. Entre as verticais que mais são alvos de ataques estão assistência médica, serviços financeiros e tecnologia. Porém, uma constante permanece: indústrias com propriedade intelectual significativa ou dados de consumidores ou financeiros são os principais alvos do aumento dos ataques.

“O resultado desse relatório torna claro que defesas reativas baseadas em assinatura não podem evitar que o malware penetre na corporação”, afirma Ashar Aziz, fundador e CEO da FireEye. “Os criminosos permanecem um passo à frente das defesas tradicionais, portanto as empresas devem repensar suas arquiteturas de segurança de TI”, aconselha.

O Relatório de Ameaças Avançadas é baseado em dados do FireEye Malware Protection Cloud, um serviço conduzido por milhares de aplicações da FireEye, bem como inteligência direta de malware descoberta por seu time de pesquisa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Responda (Para evitar spams) * Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.